Buscar
  • Luciana Lacerda

ENTENDA COMO REALMENTE FUNCIONA O ALGORITMO DO INSTAGRAM


O algoritmo do Instagram é algo que pode deixar você que é social media e/ou que trabalha com essa rede social de cabelo em pé! :D O que ele pode fazer com alguns perfis, baixando o alcance e engajamento, é realmente preocupante para quem depende disso para o sucesso.

Mas que tal desconstruir tudo isso? Aqui a gente te explica como funciona o algoritmo do Instagram, quais critérios você pode utilizar para ranquear os conteúdos e também como você pode se aproveitar dele para se dar bem na rede. Siga com a leitura!

E como o algoritmo do Instagram funciona?


Algo muito importante que você precisa saber sobre o Instagram é que assim como qualquer outra empresa, a plataforma também quer tirar o máximo de lucro possível com os anunciantes. Então, quanto mais pessoas virem seu anúncio, melhor para você que está anunciando. Sendo melhor anunciante, ele renderá mais dinheiro para o Instagram.

Para que seja possível conseguir mais anúncios, o Instagram precisa que os usuários gastem o maior tempo possível na rede. Dessa forma, em vez de passar cinco minutos no Instagram e ser impactados por três anúncios, por exemplo, gastamos três horas do nosso dia e vemos mais de 50 anúncios. Isso também é melhor para os anunciantes.

Você pode estar aí pensando: “o Instagram vai virar um novo Facebook?

A gente espera que não. A plataforma tem caminhado para o sentido oposto a esse, fazendo com que os anúncios rendam bons resultados e lançando novos recursos a cada mês, o que acaba trazendo a “modernidade” que toda rede social precisa pra sobreviver nos dias atuais.

Dito isso, vamos aos principais critérios de rankeamento do Instagram:


1. Interesses

O algoritmo do Instagram entende o quanto você gosta de um assunto pela forma como se comporta dentro da ferramenta. Se você curte muitos posts de comidas e comenta em vídeos de gatinhos, por exemplo, o algoritmo entende que deve dar prioridade a esses temas no seu feed.

Para isso eles usam uma tecnologia que consegue reconhecer o conteúdo das imagens em posts. Ou seja, se você sente falta de ver mais publicações de algum perfil específico, a nossa dica é que você curta e comente em posts dessa conta para deixar bem claro para o Instagram que aquele conteúdo te interessa e que você quer ver mais dele.

Mas sempre lembre-se: mostrar conteúdos do seu interesse, o Instagram consegue te manter mais tempo na plataforma e, de quebra, te mostrar mais anúncios.


2. Cronologia

Ainda que o feed cronológico tenha dado lugar ao feed de relevância desde 2016, o algoritmo mais atualizado do Instagram voltou a levar em consideração o tempo de cada post.

Você se lembra de quando abria o Instagram apareciam publicações de três dias atrás? Pois é. Hoje em dia isso só acontece se você passar muito tempo sem entrar no app porque, atualmente, o Instagram quer mostrar a você os conteúdos de seu interesse que estejam atualizados também.


3. Relacionamento

Outro critério super importante que o Instagram verifica é o seu relacionamento. O algoritmo consegue descobrir com que pessoas você mais se relaciona a partir das suas interações. Envio de DMs (mensagens diretas), quem você marca nas suas fotos, quais stories você mais responde… Tudo isso indica pro Instagram quais são seus perfis preferidos.

Fazer com que você veja com prioridade os posts dos seus amigos, da sua família e dos seus artistas preferidos é um dos objetivos da plataforma – para te manter lá dentro viciado, claro.

É bom lembrar também que, por ter o mesmo dono que o Facebook, o Instagram não deixaria escapar tão facilmente todas as informações que já possui de você na outra rede social. Eles estão sempre utilizando os dados do Facebook para otimizar o algoritmo também.


E aí, curtiu as dicas sobre a plataforma Instagram?

Fique de olho aqui no nosso blog, que você encontrará várias outras dicas sobre marketing digital ;)

1 visualização0 comentário